Homem nu: arte e solidariedade na Bienal-SP

bienalCompletamente nu, Maurício Ianês começou na terça-feira, às 10h, a performance “A Bondade de Estranhos”. Ele passará duas semanas vagando nu e sem comida pelo segundo andar do prédio da 23ª Bienal Internacional de São Paulo. Ao longo desse período, o artista não vai se comunicar com ninguém e não poderá aceitar doações de conhecidos ou de funcionários da Bienal. O artista deverá também dormir durante esse tempo no próprio prédio da exposição e tomar banho no vestiário do pavilhão. Como não é permitido aos visitantes entrarem na Bienal com alimentos, quem quiser levar alguma comida para Ianês terá de passar pela chapelaria da exposição, onde a organização poderá autorizar a sua entrada.

Fonte: uol diversão e arte

5 Respostas para “Homem nu: arte e solidariedade na Bienal-SP

  1. Não é incrível? É a esfinge outra vez “Descifra-me ou devoro-te”. O que ele quis dizer com isso é tão profundo como o mar, eu não teria tanta coragem…

  2. Zed, concordo totalmente com você.

  3. falta criatividade, sobra lixo e putaria

  4. td a ver:
    sem roupa, sem obras, sem nd…

  5. eu gostei mto da atitude desse homem pq faz as pessoas serem mais egoístas até consigo mesmas…
    Obrigado pela atenção
    GABY*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s