Para Guariguazi, o cotidiano é de madeira e colorido

    De cabo de vassoura a palito de churrasco. Nas mãos de Guariguazi tudo vira gente.

Do cabo de vassoura ao palito de churrasco: nas mãos de Guariguazi tudo é "gente que estava aprisionada na madeira".

Sobras de madeira descartadas também são aproveitadas.

Sobras de madeira descartadas pela natureza também são aproveitadas. Nas suas peças, as pessoas sempre estão interagindo.

Guariguazi de Lima Tavares é muito querido por todos que o conhecem. Obcecado pelo trabalho, ele tem as mãos sempre calejadas e feridas pelo uso das facas para entalhar e esculpir as madeiras que encontra pelo caminho. Ele não pode ver um toquinho que fica ansioso “para libertar as pessoas que estão aprisionada ali dentro”, revela empolgado.

O talento e o universo de cores chamaram a atenção da curadoria da Fenneart (uma das maiores feiras de artesanato do país, realizada anualmente em Recife/PE). No ano passado, foi selecionado para disputar o prêmio de júri popular e teve lugar de honra no evento.

A Santa Ceia de madeira foi ícone do Salão de Artesanato da Paraíba

A Santa Ceia de Guariguazi

Aqui na Paraíba também tem reconhecimento.  Sua escultura “A Santa Ceia” foi o ícone na programação visual do Salão de Artesanato Paraibano, realizada anualmente em Campina Grande e João Pessoa. Ela estampou convites, banners e camisetas usadas por todos os artesãos da Paraíba.

A pedido da Babel das Artes, Guariguazi fez alguns jogadores de futebol. Veja o resultado abaixo. É interessante notar a reinterpretação de logotipo, inclusive de patrocinadores. Questionado sobre o por quê de não usar referência, retrucou: “isso vem mesmo é da minha cabeça”. Coisas de artista.

Até o futebol inspira o artesanato de madeira de Guariguazi

Até o futebol inspira o artesanato de madeira de Guariguazi

Para conhecer mais peças do artista popular Guariguazi (algumas delas são enormes), entre em contato por e-mail: babeldasartes@gmail.com

Anúncios

Uma resposta para “Para Guariguazi, o cotidiano é de madeira e colorido

  1. Pingback: Escultura de madeira é retrato da diversidade brasileira « Babel das Artes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s