Morreu o fotógrafo baiano Mário Cravo Neto

Morreu ontem, domingo, aos 62 anos, o fotógrafo Mário Cravo Neto.
Nascido em Salvador/BA, Cravo Neto teve obra influenciada pelos mitos religiosos do candomblé e da igreja católica. Participou de cinco edições da Bienal de São Paulo e publicou, entre outros, os livros “Ex-Votos”, 1986, “Salvador”, 1999, “Laróyè”, 2000, “Na Terra sob Meus Pés”, 2003, e “O Tigre do Dahomey – A Serpente de Whydah”, 2004.
No vídeo abaixo, alguns dos trabalhos do fotógrafo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s