Museu Ambulante: arte ao alcance de todos

Theo Craveiro e seu Museu Ambulante

A ideia é circular por aí. Assim, o artista, designer e fotógrafo Theo Craveiro planeja levar arte a qualquer lugar e a quem quer que seja.  O Museu Ambulante deve marcar presença em situações diversas.  “Com o Museu Ambulante, participo de alguma forma, até da abertura da Bienal, se quiser”, declarou no blog da Sagatiba.

Na primeira mostra, em São Paulo, Craveiro esteve em frente ao Museu de Arte Moderna (MAM). Neste dia, expôs o Formigueiro – Idéia Visível (1956), baseado em desenho de Waldemar Cordeiro e também o quadro Armário — com 30 gavetas — uma reflexão sobre o uso e utilidade na Arte. Tomara que em seu itinerário, o Museu Ambulante alcance João Pessoa, PB.

Estratégias de circulação da Arte

Estratégias de Circulação é a primeira mostra do Museu Ambulante

Anúncios

Uma resposta para “Museu Ambulante: arte ao alcance de todos

  1. Obrigado pelo interesse! uma incursão ou nordeste seria um sonho! grato pelo interesse, theo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s