Arquivo da tag: exposição

Mostra de humor gráfico traduz influência do futebol na cultura brasileira

“Craques do Cartum na Copa” é uma exposição que reúne trabalhos de 11 de cartunistas com curadoria do cartunista e jornalista José Alberto Lovetro, presidente da Associação dos Cartunistas do Brasil.

A mostra tem como mote a influência do futebol na cultura brasileira. São onze cartunistas contando a história do futebol em seus momentos mais tragicos ou cômicos: Chico Caruso, Henfil, Paulo Caruso, Ziraldo, Cárcamo, Dálcio Machado, Fernandes, Gustavo Duarte, Miécio Caffé, e Otávio. O desenhista Maurício de Sousa apresenta na exposição Dieguito, personagem inspirado em Maradona. Um texto de Hélio de la Peña, integrante do Casseta & Planeta, apresenta o catálogo e homenageia Bussunda.

Felipão na charge de Gustavo Duarte

A exposição “Craques do Cartum na Copa” será aberta ao público no dia 8 de junho, e vai até 11 de julho no CCBB-SP no Centro de São Paulo. Grátis.

Anúncios

Artes Visuais: retrospectiva de Abelardo da Hora chega a João Pessoa-PB

Depois de passar por Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo, a exposição Amor e Solidariedade, de Abelardo da Hora, chega em Jõao Pessoa, PB. A mostra é uma retrospectiva: já são 60 anos de produção artística após sua primeira exposição individual no Recife/PE.

O acervo é composto por mais de 100 peças entre esculturas, gravuras, tapeçarias e recursos multimídia. Além de peças dramáticas como o Memorial aos Retirantes e Hiroshima, algumas obras fazem referência a danças brasileiras tipicamente carnavalescas como o Frevo e o Maracatu. Em 2010 o escultor/pintor/desenhista pernambucano completa 86 anos.

A fome e o brado - Abelardo da Hora

Amor e Solidariedade – Abelardo da Hora, 60 anos de arte
Abertura quarta-feira 2/6 às 19h até 8/8
Estação Cabo Branco, Ciência, Cultura E Artes – Altiplano Cabo Branco, João Pessoa, PB
Terças a sextas-feira das 9h às 21h. Sábados e domingos das 10h às 21h

Leia também sobre Tributo a Mario Cravo Neto.

Rio Patchwork Design – Contemporâneo

Vem aí a Rio Patchwork Design. Nesta edição, chamada Contemporâneo, estarão presentes 25 artistas do Brasil, Estados Unidos, França e Inglaterra apresentando trabalhos feitos com a técnica.

Segundo Zeca Medeiros, curador da mostra, a cada ano a técnica do patchwork ganha espaço em galerias e museus como o The National Quilt Museum, nos EUA, o Quilt Museum and Gallery, na Inglaterra, ou o Musée du Tissu Provençal Souleiado, na França.

No Brasil, o evento conta com palestras sobre estilo e oficina para iniciantes e também para os artistas que querem aprimorar a técnica. Boa oportunidade para adquirir matéria-prima e maquinários já que também uma feira com 45 estantes.

De 4 a 6 de Junho – Clube Monte Líbano – Avenida Borges de Medeiros, 701
Lagoa Rodrigo de Freitas, Rio de Janeiro, RJ

Setor calçadista apóia punição para exploradores da natureza no Pará

Exposição Artesanato Brasil e África

Para comemorar o Dia da África, 25 de maio, instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU), as embaixatrizes dos países africanos, da Indonésia e de alguns outros países, prepararam a Exposição de Artesanato Mês da África – Bazar Africano no dia 22, sábado, das 11 às 18h, na Embaixada da Costa do Marfim, em Brasília, DF.

Um grande público é esperado para o evento, já que corpos diplomáticos e representantes de organizações internacionais foram especialmente convidados. Além disso, as portas estarão abertas ao público em geral. A entrada para o evento custa R$ 5,00 para adultos e R$ 2,00 para crianças com idade entre 5 e 12 anos – menores de 5 anos não pagam.

Exposição de Artesanato Mês da África – Bazar Africano
Embaixada Côte D’Ivoire – Setor de Embaixadas

Exposição abre Festival de Artes Visuais em João Pessoa, PB

O Festival de Artes Visuais da Paraíba (FAVI/PB) criado em 2001, chega a 7ª edição comemorando os 10 anos da Associação dos Artistas Plásticos da Paraíba (ASSOCIARTE/PB) e o Dia do Artista Plástico, 8 de maio. O tema da vez é “Sentimentos”.

A exposição na Estação Ciência e Artes, no Cabo Branco, abriu oficialmente o Festival. Na galeria, estão pinturas, esculturas e instalações de vários artistas locais, entre eles, Ana Lúcia Pinto, Célia Gondim, Dadá Venceslau, Eliakim Queiroz, Evanice Santos, Fátima Queiroga, Fred Svendsen, Percy Fragoso, Célia Romeiro, Catarina Guirmarães, José Otávio, Salomé Sarmento, Néné Cavalcanti, Fernanda Rolim, Hector Molina, Flávio Tavares, Gina Dantas, Chico Pereira, Lu Maia, Marletti Assis, Nadja Lacerda, Paulo Aurélio, Raisse Herculano, Sandra Valdujo, Selma Sanches e Wilson Figueiredo. A curadoria é de Lucia França.

O Festival de Artes Visuais inclui ainda exposições e eventos em outros espaços como o Centro Cultural de São Francisco, Centro Cultural da Câmara Municipal de João Pessoa, Serviço Social do Comércio (Sesc), Manaíra Shopping, Ateliê Coletivo Moara e Casarão 34. Haverá oficinas e palestras em vários espaços (veja programação aqui). O Festival de Artes Visuais da Paraíba termina em 31/5.

Ação, reação e fragilidade: na instalação "Sagrado Sentimento" de José Otávio Porfírio as peças possuem movimento visual e também ao serem tocadas.

Santo Antônio, por Sandra Valdugo: a construção da obra envolveu santinhos e interavidade com pedidos de internautas ao santo casamenteiro

Com sua escultura de cerâmica e canetas, Selma Sanches estimula o visitante a intervir na obra escrevendo na peça os seus próprios sentimentos.

Frases e questões sentimentais para ler diante do espelho. Instalação "Caixa de Clarice" (Linspector) de Paulo Aurélio.

Gostou do post? Então vote na gente pro prêmio TOP BLOG

Nossa vizinha Campina Grande/PB é destaque em feira de tecnologia em Paris

museu-ciencia-paris

Na exposição só duas cidades na América Latina: Campina Grande e São Paulo

Esta semana, a exposição Geografia de Inovação Tecnológica no Mundo, realizada em Paris pelo museu Cité des Sciences l´Industrie, revela as 59 cidades se destacam na na inovação tecnológica mundial. Na América Latina apenas duas garantiram espaço no mapa: Campina Grande e São Paulo. A exposição deve receber 5 milhões de visitantes.

Há nove anos, a cidade paraibana já havia sido eleita como uma das nove “Tech Cities” do mundo pela revista americana Newsweek, em razão de sua relevância nas áreas da Informática e da Eletrônica, no desenvolvimento de softwares.

Fonte: Turismo em Foco

Coletivo Traços Aleatórios expõe em Fortaleza

Em Fortaleza, até dia 13 de março tem a exposição Pulsões Aleatórias no Terreiro do Maracatu do coletivo Traços Aleatórios, composto pelos artistas cearenses Carlosnaik Veras, Diego Sousasantos, Erik George, Glau Holanda, Marildo Montenegro e Teresa Cristina. A mostra tem curadoria de Maíra Ortins.

Espaço Cultural Correios (rua Senador Alencar, 38, Centro). De segunda a sexta-feira, das 8 às 17h; e aos sábados, das 8 ao meio-dia. Grátis. Inf.: 0/xx/85/3255-7262