Arquivo da tag: preservação

Seminário aborda Patrimônio Imaterial: celebração, formas de expressão, saberes e lugares

seminario-patrimonio-imaterialO seminário será realizado nos dias 15 e 16 de outubro na Universidade Caxias do Sul (UCS) e tem como objetivo divulgar conceitos e critérios que orientam a política de salvaguarda do patrimônio cultural imaterial no Brasil.

A salvaguarda do patrimônio imaterial propõe o reconhecimento de práticas culturais que os diferentes grupos formadores da sociedade consideram referências de sua identidade cujo reconhecimento pode culminar com a inscrição em um ou mais Livros de Registro: Celebrações, Formas de Expressão, Saberes e Lugares.

Veja alguns temas abordados: em Registro das Formas de Expressão “As Matrizes do Samba no Rio de Janeiro”, em Registro dos Saberes “Modo de Fazer Queijo Minas”, em Registro de Lugares “Cacheira do Iauaretê, Lugar Sagrado para povos indígenas”, em  Registro de Celebrações “Círio de Nazaré Maria Dorotéa de Lima”, só para ilustrar alguns.

Imperdível. Veja a programação completa no site Defender

Universidade de Caxias do Sul – Auditório do Bloco H – Campus Central – Universidade de Caxias do Sul

Anúncios

Triste Dia do Cerrado: um milhão de m² destruídos

cerrado brasileiro tem metade da área desmatada

cerrado brasileiro tem metade da área desmatada

Ontem, dia 11 de setembro, não foi possível comemorar o Dia do Cerrado. Ao ler o post do portal EcoDebate, soubemos que o Ministério do Meio Ambiente e o Ibama admitiram que já foi destruída quase metade da área do bioma brasileiro. Uma extensão de quase 1 milhão de quilômetros quadrados de mata foi posta abaixo para fazer o carvão que abastece siderúrgicas, para cultura da soja ou para a pecuária.

O desmatamento atinge uma área próxima dos 120.000 km² — maior, por exemplo, do que o estado do Paraná com 199.314 km². A aparente aridez do cerrado “camufla” nossos recursos hídricos. O cerrado é a caixa d’água do Brasil: ali estão as nascentes dos principais rios das bacias Amazônica, da Prata e do São Francisco. Além destas três bacias hidrográficas, por debaixo do solo de vários Estados do cerrado está o Aquífero Guarani.

Há uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que solicita o reconhecimento do Cerrado, junto com a Caatinga, como patrimônio nacional. A PEC tramita há 14 anos no Congresso Nacional.

ONU vai declarar que índios brasileiros precisam de melhor assistência

Em relatório apresentado ontem sobre sua visita aos estados do Amazonas, Roraima e Mato Grosso do Sul, realizada há um ano, em agosto de 2008, o  relator especial das Nações Unidas para os Direitos Humanos e as Liberdades Fundamentais dos Povos Indígenas, James Anaya, ressaltou que os índios brasileiros precisam de melhor assistência nas áreas da saúde, educação e justiça.

O documento pede que o governo brasileiro  garanta às comunidades tradicionais acesso às decisões sobre projetos de desenvolvimento em áreas demarcadas. Segundo Anaya, os direitos dos povos indígenas sobre os recursos naturais muitas vezes não são respeitados. Ele lembrou que terras indígenas, demarcadas e registradas, ainda sofrem ameaças constantes de invasões.

Anaya vai detalhar as conclusões e sugestões de políticas para os povos indígenas do Brasil durante a 12ª sessão do Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas, que será realizado entre 14 de setembro e 2 de outubro deste ano.

Fonte: Radiobrás

Dia Internacional da Biodiversidade

Dia 22 de Maio é Dia Internacional da Biodiversidade. Diversidade biológica, ou biodiversidade, refere-se à variedade de vida no planeta Terra. Inclui, a totalidade dos recursos vivos, biológicos, genéticos e seus componentes. A espécie humana depende da biodiversidade para a sua sobrevivência.

Atualmente, estima-se em 1,7 milhões o número de espécies identificadas. O número exato de espécies existentes sobre a Terra é ainda desconhecido, mas  varia entre 5 e 100 milhões.

A Biodiversidade é responsável pelo equilíbrio e estabilidade dos ecossistemas e  possui, além de seu valor intrínseco, valor ecológico, genético, social, econômico, científico, educacional, cultural, recreativo e estético. No entanto, as espécies vivas presentes sobre o nosso planeta sofrem ameaças. As perdas tocam particularmente as florestas tropicais onde vivem 50 a 60% das espécies identificadas, assim como os rios e os lagos, os desertos e as florestas temperadas, as montanhas e as ilhas.

De acordo com as estimativas mais recentes, tendo em conta as taxas atuais de desmatamentos, assistiremos ao desaparecimento de 2 a 8% das espécies vivas do nosso planeta nos próximos 25 anos. Por isso a importância da preservação ambiental. É importante salvaguardar o planeta para as futuras gerações.

Convênio promove preservação do Centro Histórico de João Pessoa/PB

centro-historico-joao-pessoa

A Prefeitura de João Pessoa (PMJP) firmou convênio de cooperação com a Fundação Maria Nóbrega, sediada em Olinda (PE), com a intenção de contribuir para a preservação do patrimônio cultural da Capital paraibana. A partir desse acordo será possível cooperar tecnicamente, incentivar financeiramente e trocar experiências com o objetivo de conservar o Centro Histórico pessoense, tombado em 2008 pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

O Centro Histórico tem uma área de 370 mil metros quadrados, envolvendo boa parte dos bairros do Varadouro, Cidade Baixa e Cidade Alta. A preservação do patrimônio envolve – de acordo com o Iphan – aproximadamente 700 edificações situadas em 25 ruas e seis praças, além do antigo Porto do Capim.

Fonte: Secom Prefeitura de João Pessoa

Pendrive reciclável é novo produto ecológico

pendrive feito com milho?

pendrive feito com milho?

A Cebit 2009 maior feira européia de tecnologia realizada este mês em Hannover, na Alemanha, teve como tema central a “sociedade em rede”. No entanto, o destaque foi para a tecnologia ecológica, um tópico importante para o setor de informática que está superando a aviação em termos de emissões de carbono.

Um dos produtos “verdes” apresentado na feira foi o EarthDrive, primeiro pendrive USB reciclável.

O principal material usado em sua composição é o ácido poliático (PLA), um poliéster feito de materiais biodeagradáveis. Sim,  como o milho!

Se nós desistimos, eles desistem

Vídeo da agência McCann Erickson Portugal, para a Quercus (Associação Nacional de Preservação da Natureza), alertando sobre o aquecimento global e as mudanças climáticas. Pra chocar e fazer pensar.