Arquivo da tag: Souza

Vale dos Dinossauros deve atrair investimentos

Pegadas em

Pegadas em Rio do Peixe, Sousa, PB

Construída e inaugurada em 1999, a obra física do Vale dos Dinossauros, na cidade de Sousa, na Paraíba, não recebeu qualquer manutenção nos últimos seis anos, apesar da importância histórica, cultural e turística das pegadas de dinossauros. Além disso, no último ano, o sítio arqueológico sofreu com inundações causadas pelas chuvas.

A proposta para a recuperação do Monumento Natural Vale dos Dinossauros no sertão paraibano, foi encaminhada e está em análise na estatal do governo federal. O projeto está orçado em R$ 1 milhão, com proposta para investimentos de R$ 800 mil da Petrobras e R$ 200 mil de contrapartida do Estado. O financiamento da Petrobras incluiria não só a recuperação do museu, das passarelas e demais infraestruturas do parque, mas também na capacitação de artesãos de Souza, que poderiam trabalhar com souvenirs associados ao tema dinossauros.

Um outro projeto, com investimentos de R$ 250 mil, e que será retomado agora depois das chuvas, é a construção de um desvio do leito do Rio do Peixe para o canal já existente e permitir que as pegadas dos dinossauros não sejam mais alagadas pelas águas como aconteceu este ano e no ano passado.

As Secretarias do Desenvolvimento Econômico e do Turismo e da Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente estão envolvidas na revitalização do Vale dos Dinossauros.

Secom – Paraíba

Portal Terra destaca Vale dos Dinossauros, na Paraíba

vale-dos-dinossaurosCom reportagem de Fábio Brant, hoje o portal Terra destaca na editoria de Turismo a cidade de Souza no sertão paraibano, próxima a Cajazeiras (PB) e Juazeiro do Norte (CE), a 250 km de João Pessoa (PB).

O município é conhecido pelas pegadas de dinossauros, descobertas em 1897 no local apelidado de “Passagem das Pedras”. As pegadas têm idade entre 65 a 250 milhões de anos. Elas estão espalhadas por 30 localidades, numa área de aproximadamente 700 quilômetros quadrados em torno da bacia sedimentar do Rio do Peixe, conhecida como “Vale dos Dinossauros”.

As pegadas sobreviveram ao tempo graças ao processo de fossilização. Foram impressas na lama durante períodos chuvosos. Na seca, solidificaram-se e foram cobertas por camadas de areia e barro trazidas pelas enchentes. (foto: Valdiney Pimenta/Creative Commons)

Veja fotos da reportagem

matéria completa no link Vale dos Dinossauros