Carnaval de Olinda reúne mais de 300 bonecos gigantes

Homem da Meia Noite - desde 1932 no Carnaval de Olinda/PE - Foto Ag. Brasil

Ao ritmo do frevo e do maracatu o Carnaval de Olinda tem foliões e blocos descendo as ladeiras da cidade histórica. Os bonecos gigantes feitos pelos artistas e artesãos da região são a grande atração da festa.

O mais famoso deles é o “Homem da Meia-Noite”, criado em 1931. Na Agência Brasil, encontramos duas histórias que explicam sua origem. A primeira conta que um dos criadores do boneco, Benedito Bernardino da Silva, se inspirou em um elegante senhor que circulava nas ruas de Olinda. Um dia, ao segui-lo, descobriu que se tratava de um conquistador que, à noite, pulava a janela das casas das donzelas.

Outra estória conta que o boneco foi criado por um grupo de dissidentes do Cariri – bloco tradicional que, na época, abria, às 5 da manhã, o carnaval de Olinda. Diz a lenda que esse grupo, ao assistir a um filme de ficção chamado O Ladrão da Meia-Noite, teve a idéia de criar um boneco que sairia pela cidade abrindo o carnaval antes do Cariri. Por isso, o “Homem da Meia-Noite” comanda o Carnaval a partir da 0h até às 4 da manhã, quando passa a chave da cidade para que o Cariri siga com a festa.

Com o tempo, o povo da cidade, de tradição católica, sentiu necessidade de arrumar uma mulher para o boneco. Foi aí que se criou a Mulher do Meio-Dia, que entra na festa às 12 e vai embora às 16 horas. Ela “nasceu” em 1967 pelas mãos do artesão Julião das Máscaras.

Na década de 1970, Silvio Botelho, o artista plástico que tornou os bonecos conhecidos, foi convidado a fazer o filho dos dois – o “Menino da Tarde”. Desde então, a cidade está cada vez mais povoada de bonecos com um Museu dedicado a eles.

Mulher do Dia nasceu em1967 para fazer companhia ao Homem da Meia-Noite. Foto: Passarinho/Prefeitura Olinda

Os bonecos mais antigos pesavam mais de 50 quilos. Atualmente são feitos de fibra de vidro, resina e massa acrílica, para ficarem mais leves. Os bonecos geralmente representam figuras históricas, políticas ou folclóricas e já são mais de 300. Em 2010 o Carnaval vai ganhar mais 42 novos personagens que estão sendo produzidos nos ateliês de Botelho  e de outros oito artesãos.

Carnaval de Olinda tem mais de 300 bonecos gigantes. Este ano vai ganhar mais 40. Foto: Ag. Brasil

Clique e veja programação completa do Carnaval de Olinda.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s